Anúncio
Política Política

Presidente da Assembleia Antônio Andrade pode segurar pedidos de impeachment contra o governador afastado Mauro Carlesse até a justiça decidir sobre os recursos

Conforme pessoas próximas, a intenção do presidente da Assembleia, Antônio Andrade (PSL), é segurar os pedidos de impeachment até que a Justiça se manifeste sobre os recursos do governador afastado Mauro Carlesse (PSL), que tenta voltar ao comando do Palácio Araguaia.

30/11/2021 10h29 Atualizada há 2 meses
122
Por: Redação Fonte: Coluna do CT
Foto: Divulgação.
Foto: Divulgação.

Apoio sólido

No entanto, Andrade estaria afirmando que, para isso, precisa de apoio sólido do grupo de Carlesse na Assembleia.

Vai para gaveta ou acelera

Se a Justiça der liminar para que Carlesse retorne ao governo, os pedidos de impeachment vão para a gaveta. Se os recursos forem indeferidos, o processo de cassação é iniciado e será impossível pará-los.

Sem apoio, é rolo compressor

No entanto, se não houver esse apoio maciço dos “carlessistas”, Andrade sabe que não terá como segurar e, realmente, o pedido de impeachment começa a tramitar desde já, e será rolo compressor.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Anúncio
Anúncio
Anúncio